24 de fevereiro de 2013

Empire State Building X Rockefeller Center (atração turística)

Empire State Building e Rockefeller Center - Nova York

Um dos maiores dilemas de quem viaja a Nova York é:

Ver o panorama da cidade de sobre o Empire State Building ou desde o Top of the Rock (no Rockefeller Center).

Cada um dos arranha-céus possui seu charme, sua história e seus fãs. Passemos em revista os dois e daremos nosso pitaco neste debate.

Empire State Building
Vista do topo do Empire State Building - Nova York

Este edifício se tornou um dos maiores símbolos de Nova York, primeiro porque foi, por vários anos, o prédio mais alto do mundo; depois, por causa do macacão King Kong que, através do cinema, levou a imagem do Empire State ao redor do globo.

O Empire State é um ícone das épocas áureas dos EUA, da opulência econômica (e da crise também, já que muita gente se suicidou, jogando-se de seu topo, durante o crash da bolsa de 1929) e da grandeza desta nação.

Ainda hoje, o Empire State Building é um dos edifícios mais altos de Nova York e é uma presença constante na paisagem urbana, podendo ser avistado de quase toda a cidade.


Justamente por causa desta fama, visitar o observatório no topo do Empire State é uma briga de faca. Nos dias bonitos de verão, a fila dá a volta no quarteirão (que não é pouca coisa) e o tempo de espera pode ser de horas.

As filas são intermináveis: primeiro para comprar o ingresso, depois para passar no detector de metais, para pegar o elevador, depois, para trocar de elevador e para subir no terraço.

Se no verão já é complicado, no inverno há o frio cortante e, se já é frio na superfície, no topo de um dos prédios mais altos de Nova York você pode ter certeza que é de chorar.

Como evitar as filas?
Uma maneira para evitar (parte) da fila para subir no Empire State é comprando o ingresso antecipadamente pela internet, isto evita boas horas de espera na bilheteria e você poderá pular direto para a revista. Isto não evita as outras filas dos elevadores.

Quanto custam os ingressos?
U$ 25 - adultos
U$ 19 - crianças
U$ 22 - idosos

Site oficial do Empire State
www.esbnyc.com
Quinta Avenida com a rua 34.


Ver mapa maior

Top of the Rock (Rockefeller Center)


O Rockefeller Center não tem a mesma notoriedade do seu concorrente, mas é o local onde se ergue, no Natal, a árvore natalina mais concorrida. É onde ocorre também o show das rockettes, no Radio City Music Hall, além de abrigar estúdios da emissora NBC.

Por outro lado, o observário Top of the Rock dá de 10 em comparação ao do Empire State Building. Primeiro, porque as filas são bem menores e mais rápidas, depois porque se pega um único elevador até o topo do prédio e, por fim, porque além do terraço aberto, há um lounge coberto, de onde também é possível se ver a cidade - o que é excelente em climas extremos.

Como se não bastasse, do Top of the Rock dá para se ver parte do Central Park e, o mais importante, dá para ver também o Empire State Building. Neste quesito, é imbatível.

Quanto custam os ingressos?
O preço é o mesmo para um adulto subir no Top of the Rock, no entanto, existem vários cupons de desconto, em hotéis, na Grand Central e provavelmente no google, que podem acabar deixando os preços inferiores ao do Empire State.

U$ 25,00 - adultos
U$ 16,00 - crianças
U$ 23,00 - idosos

Site oficial do Top of the Rock
www.topoftherocknyc.com
Entrada pela rua 50, entre Quinta e Sexta Avenidas.


Ver mapa maior

Outras alternativas

Panoramas de Manhattan

- Poxa vida, mas é caro! - você diz, e realmente não é nada barato. Contudo, é possível ver o panorama de Manhattan de vários pontos da cidade, sem pagar um tostão (ou só um tostãozinho).
Seguem alguns exemplos:

- Barcos em Downtown
Seja no Ferry para Staten Island, seja no Water Taxi gratuito do IKEA Brooklyn, é possível ver a parte sul da ilha de Manhattan, com os arranha-céus de Downtown rasgando o céu.

- Ponte do Brooklyn

Há uma bela vista da cidade quando se chega na metade da ponte.

- South Street Seaport - Pier 17
Nas varandas do shopping center em South Street Seaport, há uma bela visão das pontes do lado leste da cidade e de parte de Downtown.

- Bondinho para Roosevelt Island
Há uma visão interessante, tanto durante o trajeto quanto de Roosevelt Island, do lado leste de Manhattan.

- Terraço do Metropolitan Museum
O terraço deste museum sempre abriga exposições de arte, mas, além disto, há uma linda vista do Central Park e dos prédios que o contornam.

- Terraços de hotéis
Há uma chance de o seu hotel ter um terraço aberto para visitação. Se for numa das áreas centrais de Manhattan, talvez tenha uma boa vista da cidade.

- Casas de conhecidos, ou amigos
Esta é de longe a maneira mais barata (para você, pois o amigo provavelmente paga caro para ter uma vista panorâmica de Nova York) de se ver a cidade. Alguns apartamentos luxuosos tem janelas do teto ao chão, ou terraços onde os moradores podem confraternizar e fazer um churrasquinho.

- Queens e New Jersey
No Queens, há alguns pontos com boa vista Manhattan. O mesmo vale para New Jersey. Mas esta é geralmente uma opção fora das rotas turísticas.

Conclusão
Se você não quiser pagar para ver o panorama de Manhattan, há várias opções gratuitas, mesmo que não sejam tão impressionantes quanto estar no topo de alguns dos prédios mais altos do mundo.
Por outro lado, se você fizer questão de ir a algum dos observatórios, vá ao Top of the Rock, não tem erro! Mas não se esqueça de seu cupom de desconto.

Clique aqui para recomendações sobre onde se hospedar em Nova York.

Importante: favor ler as Perguntas Frequentes - FAQ.


14 comentários via BLOGGER
comente também
  1. Bela comparação Henry. Acho até que tem mais espaço para detalhar as outras opções. E sobre os passeios aéreos por helicópteros o que você tem a dizer sobre eles? abraços. Denis.

    ResponderExcluir
  2. Oi Henry, ADOREI o post !!!! e não poderia ter uma situação mais propícia para isso, estou planejando minha viagem para NYC e essa era uma das minhas dúvidas, mas já estou convencida a ir no Top of the Rock !!! Além da dúvida de escolher entre o reveillon na TS ou no Central Park, hehehe... (Mas vou optar pelo Central)..

    ps.: procurei no blog mas não achei, você chegou a fazer algum post sobre isso ??

    Abs,
    Sara

    ResponderExcluir
  3. Oi Henri,

    vc pode me dizer como está o clima aí em NYC ??? Estou indo hj...

    Obrigada!!!

    ResponderExcluir
  4. Que post sensacional...as always!
    Você sabe se a H&M fica transitável quando são lançadas as novas coleções ?
    Beijocas nossas.

    ResponderExcluir
  5. Olá Henry,

    Eu e minha esposa estivemos em 2006 em NY e visitamos os dois prédios.
    As vistas são realmente muito bonitas, porém gostamos mais da vista do Top of the Rock e de noite, pois além de se vêr as luzes da cidade, destaca-se o clarão da Times Square, o Central Park e a iluminação do Empire State.
    Quem tem habilidade e equipamento para fotos vai conseguir registrar muitas fotos maravilhosas tanto do alto do prédio como nas ruas ao redor do mesmo e olha que sou totalmente amador e consegui.
    Vale a pena conferir.
    Abraços e parabéns pelo site.

    Mário

    ResponderExcluir
  6. Oi Henry,

    vc falou no passeio pelo "Water Taxi gratuito do IKEA Brooklyn", nao entendi bem do que se trata e como faço pra chegar lá? Pode me explicar melhor?

    Obrigada!

    Abraços,

    Micheline

    ResponderExcluir
  7. Caro Henry,

    primeiro, deixe-me dizer o quão útil foi este seu blog para minha recente viagem à NY. Infelizmente, como passei poucos dias (5 noites), não pudemos desfrutar de todas as dicas, mas: Dallas BBQ e Central Station, com certeza foram das melhores. Quanto ao Empire State e o Top of the Rock, sou suspeito para falar. Não subi no Top of the Rock, mas o Empire State tem toda sua magia e nostalgia dos antigos filmes... é tradicional e, sem dúvida, de tirar o fôlego. Vê-se também a iluminação da Times Square na lateral West do observatório. Tirei fotos lindíssimas. Porém, acho que vale a subida no Top também. São vistas de diferentes ângulos, além de se ver o Empire State. Numa volta à cidade, vou querer subir no Top.

    ResponderExcluir
  8. Poxa você me deixou com remorso de ter comprado o ingresso do Empire State ontem e só hoje eu li esse post :( Acho que o Top of the Rock... rocks! hehe

    ResponderExcluir
  9. nao subi o empire, mas o top of the rock foi magnifico... da pra ver o central park q é fabuloso...
    e fazer uma foto com o empire atras...
    caro, mas compensa...

    ResponderExcluir
  10. Fui a Nova York em Abril de 2011 e passei um mês lá. Subi tanto no Empire quanto no Rockfeller e são ambas vistas maravilhosas.

    No Rockefeller fui a noite, foi muito lindo, mas não dá pra identificar os prédios. No Empire, fui a tarde e deu pra apreciar a vista melhor.

    Indico o horário das 5, 6h, pra pegar o por do sol!

    ResponderExcluir
  11. Galera a minha dica é: vá só ao Empire State e não paguem mais 15 dólares para subir do 86° andar até o 102° a visão praticamente não muda, mas a visão que se tem do topo desse prédio (86° andar) é muito linda vale 22 dólares.

    ResponderExcluir
  12. Henry, o Top of The Rock custa atualmente U$ 25 ! Abracos !!

    ResponderExcluir
  13. Fomos com o o new york pass, entao obrigatoriamente tivemos que ficar nas filas astronômicas do EMPIRE (2 3 horas), para ser sincera não valeu a pena. Pois o Top of the Rock é bemmmm melhor. Por ser mais novo é mais organizado, filas, elevadores e a vista é praticamente a mesma. Mas como todo bom turista de primeira viagem vá aos dois e tire suas conclusões.

    ResponderExcluir
  14. por via das dúvidas, quando eu fui para NYC eu visitei os dois, mas um eu fui durante o dia e no outro fui durante à noite. Então eu pude ter as duas belezas em horários diferentes.
    Mas devo dizer, é caro, éééé... mas pra realizar sonhos vale a pena :)

    ResponderExcluir



Guias Nova York .PDF





Mundi - Compare Preos de Passagens Areas e Hoteis

Pesquise Preos