26 de outubro de 2014

Halloween 2014 em Nova York - o que fazer e onde comprar sua fantasia?


Em poucos dias, os americanos comemorarão o Halloween, resquícios de uma festa pagã celta em celebração pelo final da colheita.

Logo no começo de outubro, os enfeites típicos desta festa já começam a aparecer nas lojas e nas casas: abóboras, caveiras, bruxas, vassouras, e outros monstros bizarros.
E, no dia 31 de outubro, a cidade é dominada primeiro pelas crianças fantasiadas, que vão de porta em porta repetindo o bordão: "trick or treat", ou, em bom português, "doce ou traquinagem".

Mas, à noite, a festa é dos adultos. As ruas ficam lotadas e estranho é quem não estiver fantasiado. A Union Square, na rua 14 com a Quarta Avenida, é um local onde as pessoas se encontram, com música e muita animação.
No entanto, o burburinho ocorre mesmo no Village, com a Halloween Parade. A parada segue pela Sexta Avenida, começando na Spring Street e acabando na rua 16. Prepare-se, porque é muito difícil chegar perto para assisti-la; a luta por um lugarzinho é ferrenha. Por outro lado, quem estiver fantasiado pode desfilar na parada. Basta chegar na concentração entre 6:30 e 8:30 da noite.

Esta é sem dúvida uma das festas mais animadas de Nova York. Quem estiver nesta data na cidade, verá muitas criaturas estranhas e dará muitas risadas.

Site oficial da Halloween Parade
www.halloween-nyc.com

Você estará em Nova York no dia 31 de outubro e está pensando em assistir à Parada do Halloween?

Se você for passar o Dia das Bruxas em Manhattan, será impossível escapar das inúmeras pessoas fantasiadas nas ruas da cidade, no metrô, nas praças, indo para festas privadas ou simplesmente curtindo esta celebração macabra ao ar livre.
O simples fato de estar lá já é diversão garantida, mas se você quiser aproveitar de fato esta data e entrar no espírito da coisa, vai ter de se fantasiar.

Sim, eu sei, você, como todo bom brasileiro, tem vergonha de pagar um mico em público, mas você logo perceberá que, na mentalidade do americano, se ele tem vontade de fazer algo, mesmo que seja ridículo para os outros, ele vai fazer de qualquer forma. Esta é a essência da liberdade americana.
Por isto, recomendo que você deixe o senso de ridículo em casa e solte a franga durante o Halloween em Nova York, fantasiando-se com trajes de monstros, vampiros, Bob Esponja, ou com o que quiser.

E você não precisa trazer sua fantasia na mala, pois comprar uma (ou alugá-la) em Manhattan sairá bem mais em conta.
Nesta época, várias lojas sazonais abrem pela cidade vendendo apenas fantasias para o Halloween. Uma das redes com a maior variedade de fantasias é a Ricky's, com algumas lojas fixas e outras temporárias.

www.rickyshalloween.com

Você pode consultar o catálogo no site deles ou conferir as fantasias na própria loja. Existem fantasias para todos os bolsos, desde uma simples máscara até trajes completos e extremamente elaborados. Também dá para comprar o par, caso você vá com sua esposa ou marido, ou fantasias coletivas, se estiver com vários amigos.

Outra loja grande é New York Costume Shop, na Broadway com a rua 11, que por si só já é uma atração turística, com gárgulas na porta e fantasias bastante sofisticadas.

www.newyorkcostumes.com

Há também a Party City, na rua 14, entre a Quinta e a Sexta Avenida, com uma loja imensa, onde, além de fantasias, há de tudo para se preparar uma festinha, seja de Halloween, aniversário, bodas, etc.

www.partycity.com

Agora, se você for um mão de vaca de verdade e todas estas fantasias parecerem ser muito caras, duas boas alternativas são comprar seu kit de Halloween no Jack's World, porém onde há mais opções para crianças, ou num brechó da vida. Na rede Housing Works, com filiais no Greenwich Village, Upper East Side e em Midtown, é possível comprar roupas dos anos 60 por preços bem em conta.
Depois, é só sair na noite do dia 31 de outubro na rua e juntar-se à multidão de monstros, bruxas, faraós e princesas, aproveitar bastante e tirar um monte de fotos.

Importante: favor ler as Perguntas Frequentes - FAQ.

19 de outubro de 2014

Top 10 de Nova York


Escolher o Top 10 de Nova York é uma missão dificílima, eu diria até impossível.

Há tanta coisa interessante para se ver que nem mesmo vivendo a vida inteira na cidade bastaria para desvendar todos seus segredos.

Neste vídeo abaixo, fizemos uma seleção do melhor e do mais importante para quem viaja a Nova York pela primeira vez.



Já falamos de todas as atrações por aqui, portanto, se você quiser ler mais profundamente sobre cada uma delas, confira também os links abaixo.

Top 10 de Nova York
Times Square
Grand Central
Estátua da Liberdade
Central Park
Museus
Ponte do Brooklyn
Arranha-céus
Quinta Avenida
Downtown
Vistas da Cidade

Aproveite para assinar o nosso canal no youtube, curtir e compartilhar os nossos vídeos.

E se você tivesse de fazer uma listagem com o Top 10 de Nova York, qual atração não poderia faltar?

Importante: favor ler as Perguntas Frequentes - FAQ.

15 de outubro de 2014

A Torre de Londres, de castelo medieval a prisão


Às margens do Rio Tâmisa localiza-se um dos monumentos mais antigos de Londres, e também um de seus grandes símbolos, a Torre de Londres.

Sua construção começou no século XI e, durante muito tempo, foi a residência dos monarcas britânicos. Nele residiram importantes reis, como Ricardo Coração de Leão, Henrique III e de Eduardo I.

Desde muito cedo a Torre de Londres foi utilizada como prisão, mas foi durante os século XVI e XVII que ela abrigou seus prisioneiros mais ilustres, incluindo a própria Elizabeth I, que se tornaria a rainha da Inglaterra depois.

Hoje, é uma das mais importantes atrações de Londres, sempre lotada, apesar do preço salgadíssimo de 22 libras para entrar.
Em seu interior, é possível visitar as Jóias da Coroa, a Torre Branca (onde prisioneiros eram torturados), entre outros setores do complexo do castelo.

Atualmente, ao redor das muralhas, está ocorrendo uma instalação em homenagem aos soldados britânicos que morreram durante a Primeira Guerra Mundial: são mais de 800 mil tulipas vermelhas, que podem ser adquiridas pelos visitantes. A renda será revertida para fundos de caridade.


Assista o vídeo aqui: http://youtu.be/BNjxWo_17dE

Se você for o típico mão de vaca que não pretende pagar 22 libras para entrar na Torre de Londres, o passeio ao redor do castelo já é bastante bonito, mesmo tendo de acotovelar-se com a multidão de turistas.
Dali você pode seguir para a Ponte da Torre (Tower Bridge), cruzando o rio, de onde também se tem uma ótica visão do castelo.


Se você planejar bem e tiver disposição para cumprir os requisitos para isto, é possível visitar gratuitamente o pátio da Torre de Londres para assistir à Cerimônia das Chaves, quando uma sentinela tranca o castelo.
Para isto, é preciso agendar com muita antecedência, mas muita antecedência mesmo; de uns alguns meses.
A reserva destes bilhetes gratuitos para a cerimônia pode ser feita aqui. Ocorre todas as noites e é uma cerimônia curta, de não mais do que uns 10 minutos de duração, mas você estará acompanhando um ritual milenar, o que não deixa de ser muito interessante.

Os bilhetes para entrar na Torre de Londres podem ser adquiridos online e custam um pouco mais barato assim.

Site oficial da Torre de Londres (em inglês)
http://www.hrp.org.uk/TowerOfLondon/

Importante: favor ler as Perguntas Frequentes - FAQ.

12 de outubro de 2014

Outono em Nova York

 
Esta dica estará divida em cinco partes:

1 – Escolhendo a melhor época do ano para você
2 – Inverno em Nova York
3 – Primavera em Nova York
4 – Verão em Nova York
5 – Outono em Nova York

Outono em Nova York

Esta época do ano é notória, já teve até filme com este nome. Realmente, o outono na cidade é inesquecível. De 22 de setembro até 21 de dezembro, as ruas da cidade ficam forradas pelas folhas secas, os moletons saem do armário, e o cafezinho do Starbucks reaparece nas mãos dos nova-iorquinos.

Há uma melancolia nas árvores secas, ou, bem no começo das estações, da folhas vermelhas como fogo. A temperatura desce um pouco, lembrando as primeiras semanas da primavera. Às vezes, uma chuva gelada obriga-nos até a sair com um casaco mais reforçado, mas, no geral, é uma época muito agradável.

Na minha opinião, o outono só perde para o colorido da primavera.


Em outubro e novembro, ocorrem duas das mais conhecidas e concorridas paradas de Nova York. No dia 31 de outubro, há a Parada de Halloween, a festa pagã mais conhecida dos EUA. Antes uma celebração da fertilidade, entre os povos da Irlanda e Grã-Bretanha, o Halloween agora é uma grande celebração macabra.
Crianças fantasiadas saem às ruas de Nova York, cestas e sacolas nas mãos, entrando em casas ou comércios indiscriminadamente, pedindo doces, ou prometendo travessuras. E realmente é impressionante a adesão popular na festa de Halloween, todas as casas ficam decoradas, há festas por toda a cidade, e, nos arredores da Sexta Avenida, por onde a Parada passa, há muita gente fantasiada, divertindo-se bastante. Mesmo que você não consiga chegar até o local da Parada, as ruas ficam tão cheias, todo mundo fantasiado, que só o passeio já vale a pena. Na minha opinião, é a única festividade norte-americana que realmente impressiona.


Já na quarta quinta-feira de novembro, há a celebração da mais importante festa dos EUA, o Dia de Ação de Graças (Thanksgiving Day). Nesta data, famílias se reencontram, comem um peruzinho e se alegram, com um espírito bem próximo do que temos durante o Natal.
Em Nova York, porém, o clima familiar é substituído por magníficos balões, com formas de personagens de desenho, bichos, entre outras coisas, que desfilam pela Sétima Avenida, em frente à gigantesca loja de departamento Macy’s.
Como ocorre com tudo que é de graça em Nova York, é preciso chegar cedo para garantir um bom lugar, ou você pode conferir os balões sendo inflados na noite anterior.
Na pior das hipóteses, faça como os locais e veja a parada pela televisão.

Em dezembro, a temperatura despenca. Às vezes, não chega a nevar, mas o vento gelado já incomoda e, aos poucos, a cidade começa a ficar decorada para o Natal e a se preparar para o inverno.

Importante: favor ler as Perguntas Frequentes - FAQ.



Guias Nova York .PDF