10 de julho de 2017

Bem-vindo à bordo da Ryanair, a empresa aérea da boiada


Se você adora economizar e está planejando uma viagem para mão de vaca na Europa, você fatalmente acabará caindo na Ryanair em algum momento.
Pois poucas empresas aéreas do planeta conseguem fazer preços são malucos quanto a Ryanair, e isto é um fato inegável.
Onde mais você consegue voos de Londres a Marrakesh por 32 euros? Ou de Pisa a Madri por 22 euros? Ou de Paris a Barcelona por 17 euros?

Isto somente para dar alguns exemplos, pois quase sempre é possível encontrar tarifas ainda mais baratas, como da vez em que havia uma promoção com passagens por 1 centavo de euro.

É óbvio que preços tão absurdamente baixos tem seu custo. Voar na Ryanair é quase voar num ônibus com asas.


Mas, antes de tudo, o suplício por causa da economia já começa na hora de comprar a passagem, pois eles cobram por tudo, até pela transação do cartão de crédito ou para fazer o check-in no aeroporto. Inclusive, se você não for europeu, mesmo fazendo check-in online você deve comparecer nos guichês da empresa para olharem seu passaporte e receber um carimbo na passagem.
E, no ato da compra online, aparecerá uma porção de ofertas, de carro, de hotel, seguro, mala, etc., ou seja, marque não para tudo, senão será óbvio que o preço subirá consideravelmente.

Muitos dos aeroportos utilizados pela Ryanair são nos cafundós do Judas e, às vezes, o que você economizou na passagem termina tendo de gastar no deslocamento até o fim do mundo. No entanto, geralmente acaba compensando.

Depois, vários voos costumam ser em horários esdrúxulos, o que quase o obriga a passar a noite em aeroportos (mais um favor que a Ryanair lhe faz, forçando-o a economizar num pernoite de hotel).

Você é tratado como boiada. Para marcar assento é preciso pagar à mais, ou seja, para garantir um bom lugar no avião, ou para sentar-se junto com seu amigo ou namorada, é preciso correr direto para a fila na porta de embarque, sentar-se no chão e demarcar seu território (a exceção é na Itália, onde, por mais que você marque presença na fila, os italianos sempre arranjam um jeito para furá-la).

Felizmente, eles passaram a pegar bem mais leve em relação à bagagem, pois além da sua bagagem, você também pode levar uma uma bolsa ou mochila pequena consiga.


Dentro do avião, é uma festa. As comissárias estão sempre com cara de poucos amigos e vão lhe indicando seu assento sem um único sorriso.
Se você reclama de comer barrinhas de cereais e amendoim nos voos, prepare-se porque na Ryanair nem água é de graça.
Aliás, se você quiser jogar na loto ou comprar cigarros eletrônicos, tudo isto pode ser feito quando começa a feira voadora.
A poltronas não reclinam nem um milímetro, mas tudo bem, já que os voos na Europa são curtinhos. Que mal faz aguentar meia hora dentro deste voo?

- Mas se você reclama tanto da empresa, então não compensa voar de Ryanair? - você me pergunta.

É claro que compensa! Entre Paris e Barcelona, por 17 euros, você não chega nem de ônibus, levando horas e horas na estrada. Com os ônibus voadores da Ryanair, você chega em uma horinha.

Agora, jamais pensaria em fazer um voo transatlântico nas condições da Ryanair, nem pensar! Mas, para voar pela Europa, a Ryanair é a empresa dos sonhos...

Site oficial da Ryanair
http://www.ryanair.com/

Importante: favor ler as Perguntas Frequentes - FAQ.


7 comentários via BLOGGER
comente também
  1. Fiz um mochilão pela Europa com a Ryanair, visitei 10 países, gastando de avião menos de 200 Euros, Londres-Berlin ida e volta paguei incríveis 3 Euros.

    As condições a bordo não são nenhuma maravilha, mas gastei bem menos do que teria gasto em ônibus ou trem, sendo que ganhei em tempo de viagem para aproveitar nos destinos.

    E quanto aos passageiros frequentes, realmente se vê muitas bizarrices para evitar o excesso de peso.

    ResponderExcluir
  2. Fiz um voo com a empresa em novembro e achei muito divertido - só assim p encarar um voo baratinho. A boiada foi colocada numa fila na chuva no Porto - nosso destino era Madrid, enquanto alguns sofriam com as bagagens. Sim, é verdade q eles medem e pesam e verificam e complicam - rsrsrs!!!! No voo o comércio era liberado e engraçado e as poltronas um verdadeiro unidos venceremos. Nossa sorte q o homem que sentou entre nós (escolhemos deuxar o meio livre) era um fiapo humano e deixou espaço para nos ajeitarmos. O voo foi rápido e quase indolor!!!! Abraços
    Paula

    ResponderExcluir
  3. HAHAHAHAHAHAHAHAHA Nossa, e é tudo verdade!!!

    ResponderExcluir
  4. Eu viajei pela Europa toda de Ryan Air e não me surpreendi não! É como a GOL comissários com cara de poucos amigos etc só achei eles chatos no aeroporto de Barcelona q querem ver seu passaporte no balcão de atendimento e na entrada do aviao pra todos .No mais,viajei e viajaria novamente com eles e recomendo.e com relação a mala, TDS na Europa viajam com malinhas pequenas só brazuca q querem levar a casa na mala,acho o tamanho e peso de 10 kg dá mala razoável pois pra eles estão carregando europeus em viagens curtas não turistas mãos de vaca como nós.

    ResponderExcluir
  5. Eu viajei pela Europa toda de Ryan Air e não me surpreendi não! É como a GOL comissários com cara de poucos amigos etc só achei eles chatos no aeroporto de Barcelona q querem ver seu passaporte no balcão de atendimento e na entrada do aviao pra todos .No mais,viajei e viajaria novamente com eles e recomendo.e com relação a mala, TDS na Europa viajam com malinhas pequenas só brazuca q querem levar a casa na mala,acho o tamanho e peso de 10 kg dá mala razoável pois pra eles estão carregando europeus em viagens curtas não turistas mãos de vaca como nós.

    ResponderExcluir
  6. Precisa ter muito cuidado quando compra passagem nessas low cost. A minha experiencia com a Ryan Air foi - digamos - didática. Comprei uma passagem de Paris para Barcelona e optei pela franquia de 2 malas de 15 quilos. Cheguei para embarcar com uma mala pesando 28 quilos e queriam me cobrar por excesso de bagagem. Não havia cristo que convencesse os funcionários que paguei por 30 quilos de bagagem e levava 28. Tive certeza que mesmo que fosse o contrario (franquia de 30 e 2 malas de 15) seria a mesma conversa. Tive que comprar uma sacola e separar o conteudo até que uma das bagagens pesasse os tais 15 quilos senão seriam mais de 100 euros de excesso. (e havia varias pessoas na mesma situação). Precisa ficar experto quando comprar esse tipo de bagagem.

    ResponderExcluir
  7. Os preços aéreos da Ryan são tão incríveis, eu viajei para 5 países na Europa e nunca me arrependi de usá-los.

    ResponderExcluir



guias NY .PDF