18 de setembro de 2013

Roteiro rápido e básico para primeira viagem à Europa - Parte 4: Barcelona

Barcelona - Espanha
 
Barcelona

Por Alexandre Pires

Barcelona é uma das mais vibrantes cidades europeias e, no meu ponto de vista, sempre costumo dizer que Barcelona tem um que de Rio de Janeiro. Vai ver que pelo seu estilo mar e sol.
Sobretudo Las Ramblas; pela moda que nela se dita, a deliciosa gastronomia mediterrânea, os ares da montanha Montjuic e pelas irresistíveis águas do Mediterrâneo é claro pelas obras de Antônio Gaudí.
Barcelona é imensa, por isso tem de se organizar, para que sua visita pela cidade cosmopolita seja encantadora.

Museu da Catalunha

Do alto do museu é possível ter uma vista panorâmica sobre a cidade. De lá, também podemos avistar as “Torres Venezianas”, Centro Comercial de “Las Arenas” (antiga praça de touradas), a Fonte Mágica que inclusive pela noite fica ainda mais bonita por que é toda iluminada.
Como chegar: fácil acesso pela linha vermelha do metrô estação: Espanha.

Parque Güell

Um grande jardim situado em uma montanha. Uma obra para ser desfrutada, construída pelo famoso arquiteto Antonio Gaudí, com um estilo artístico com elementos arquitetônicos que transformou seu estilo pessoal em formas orgânicas da natureza.

Sua construção foi entre 1900 e 1914, sua inauguração foi em 1922. O parque deve o seu nome a Eusebi Guell, rico empresário catalão, um homem de grande cultura ele foi: escritor, químico, pintor, linguista e biólogo. No Parque é possível ter uma panorâmica de Barcelona, desfrutando assim de uma vegetação mediterrânea entre árvores e plantas aos redores de todo o Parque, uma fascinante paisagem, seria um dos meus lugares favoritos.
Tempo de visita: convém gastar pelo menos uma hora caminhando pelas construções em ruínas de pedras e ver também uma Salamandra ícone de Gaudí. Em 1984 a UNESCO incluiu o Parque Guell dentro do Patrimônio da Humanidade.

Dentro do Parque Guell também pode ser visto a Casa Museu Gaudí, onde a memória do artista coexiste com a exposição de móveis e objetos desenhados pelo arquiteto.
Localizaçao: Carrer d’Olot, 3. Al norte del distrito de Gracia.
Como chegar: Metro ir até linha verde estação - Vallcarca
Ônibus: Pode se utilizar muitas linhas de ônibus são por numeração: (24-31-32-H6-92)
Ônibus turístico: Linha vermelha

Ramblas

As Ramblas são uma sequência de seções de ruas que vão da Praça da Catalunha até ao mar. A palavra rambla deriva do árabe ramla, que significa "leito de rio seco".
As Ramblas são um ponto turístico muito animado, estão sempre muito cheia de pessoas passeando admirando as paisagens de artistas de ruas, lojas, bares e restaurantes.
Rambla de las Flores é uma das que mais gosto. Onde fica outro ponto turismo o Mercado La Boquería. Não pode deixar de visitar, é uma delícia passear entre frutas típicas e comidinhas da deliciosa gastronomia mediterrânea.
Rambla de los Capuchinos: Gran Teatro Liceo, Palácio Guell, também próximo da Praça Real.
Rambla de Santa Monica: bares e restaurantes acho que a Ramblas mais agitada das que citei e ainda no final dela antes de chegar ao mar temos o monumento super famoso conhecido como: Mirador Colón que seria o monumento do descobridor Cristovão Colombo.

Arco do Triunfo

Arco do Triunfo, a antiga entrada da Exposição Mundial de 1888. Você vai ver e perceber o morcego na estrutura do modernismo, esse era o símbolo da independência da Catalunya e também o Dragão, que simboliza o santo padroeiro da Catalunya: o famoso, para nós brasileiros, São Jorge.

Bairro Gótico

Conhecido como Barri Gòtic faz parte do centro velho. É muito charmoso uma elegância de arquitetura com suas charmosas lojas a cada esquina, sempre quando passeio por aqui tenho uma nostalgia dos ares do bairro paulistano da Vila Madalena.

Parque Montjuic

Situado em uma montanha, está localizado lá também a Fundação de Joan Miró, um dos meus artistas favoritos.

La Pedrera

É outro ponto turístico imperdível, provavelmente um dos mais famosos edifícios do Modernista, ou período Art Nouveau catalão, e uma das obras mais ambiciosas do arquiteto Antoni Gaudí.
Localização Carrer de Provença, 261-265 (Metro: Diagonal linha verde).

Casa Batlló

Localizada no coração da cidade quase na mesma Avenida da La Pedrera. Um pouco mais abaixo facilmente acessível por transportes públicos e ônibus de turismo.
A Casa Batllò é uma “arquitetura expressionista”. Quando a visitei pela primeira vez me senti dentro de um filme medieval com sua arquitetura com balcões no exterior da casa de ossos e suas grades de varanda em forma de máscaras, dando assim uma originalidade do artista fantástico e cheio de imaginação luz e cores de: Antonio Gaudí.
Localização: no numero 43 no Passeig de Gràcia- Casa Batllò. Metro Passeig de Gràcia linha verde).

La Sagrada Família

Quando subimos a escadaria do metrô e avistamos a igreja,  é difícil explicar a grandiosidade de detalhes e dimensões que são vistos. Exuberante.
O ponto turístico visitado por milhões de pessoas do mundo, hoje tem 131 anos. Desde então sua morte em 1926 vários arquitetos continuaram o trabalho seguindo a ideia original de Gaudí.
Localização: Calle Mallorca, 401, 08013 Barcelona. (Metro: Sagrada Família Linha Azul).


Na próxima dica, veremos sobre Lisboa.

Alexandre Pires
Marketer
Formado pela Universidade Paulista, atua como Consultor de Marketing e Negócios.
Na área médico-hospitalar, pertence a uma equipe de avaliadores com foco na qualificação dos serviços de saúde prestados em todo o território brasileiro.

http://br.linkedin.com/pub/alexandre-luis-moreira-pires/16/b7/38/

Importante: favor ler as Perguntas Frequentes - FAQ.

Postar um comentário



guias NY .PDF