6 de novembro de 2014

Palácio de Aranjuez, uma das residências dos reis da Espanha


Durante alguns séculos, a Espanha foi uma grande potência mundial, descobrindo e conquistando meio mundo, explorando riquezas de suas colônias, muito ouro e muita prata.

Este período de exploração colonial foi o auge do país, quando a família real construiu palácios e magníficos monumentos.
O palácio real mais famoso está localizado no coração de Madri e é uma das atrações fundamentais da cidade. No entanto, nos arredores da capital espanhola, há outros locais que já foram utilizados como residência real e, a mais importante delas, encontra-se na cidade de Aranjuez, a 40 quilômetros de Madri.


Não é difícil chegar até o Palácio de Aranjuez. A opção mais óbvia é com o Cercanias, um trem metropolitano que corta a cidade e que conecta Madri com várias cidadezinhas próximas.

A linha C-3, que passa na Puerta de Sol e também na estação de Atocha, leva até Aranjuez, que é a última parada. A viagem custa 4 euros por trajeto e demora em torno de uns 50 minutos de Sol até Aranjuez.

Já na cidade, basta uma rápida caminhada para chegar na região do palácio. Confira no vídeo abaixo o nosso passeio por lá.



Tanto por dentro quanto por fora, o Palácio de Aranjuez se assemelha bastante ao Palácio Real de Madri. Há duas salas bastante impressionantes, que é uma em estilo árabe e outra toda de porcelana, mas, de resto, não apresenta tantas novidades para quem já visitou o palácio de Madri.


A entrada inteira custa 9 euros, entretanto, se você visitar o palácio às quartas e quintas-feiras, depois de determinado horário (das 15 às 18 horas de outubro a março, e das 17 às 20 de abril a setembro), a entrada é gratuita para ibero-americanos (os brasileiros, inclusive) e residentes na Europa.
A nossa recomendação é que, se você fizer questão de ir a Aranjuez, é de tentar encaixar um passeio nestes dias gratuitos, pois o palácio não fica tão cheio e é uma bela economia.


Já, nos arredores, há um lindo parque, que merece um passeio. Com pontes, estátuas, patos nadando no rio e muita tranquilidade.
Inclusive, talvez seja um dos pontos altos de Aranjuez, principalmente se o clima estiver agradável.

O Palácio de Aranjuez não é exatamente uma atração imperdível em Madri. Priorize Toledo, Ávila e, obviamente, as próprias atrações da capital.
Se sobrar um tempinho em seu roteiro, então aproveite para conhecer também Aranjuez.


Importante: favor ler as Perguntas Frequentes - FAQ.

Postar um comentário



guias NY .PDF