21 de agosto de 2013

Economizando nos supermercados de Nova York


Comprar alguns suprimentos em mercado, ou mesmo cozinhar sua própria comida, quase sempre significará uma economia considerável em suas viagens, em qualquer lugar do mundo e também em Nova York.

No entanto, tudo dependerá de mercado a mercado, e para qual público ele é destinado. Em Nova York, os mercados em bairros mais nobres costumam ter preços mais altos do que em vizinhanças mais afastadas, além de que há redes de supermercados mais elitistas e outras mais populares.

Reconhecer estas diferenças e saber aonde ir ajudará bastante na hora de poupar uns trocados. Vejamos algumas das principais redes.

Food Emporium


Os mercados da Food Emporium são bonitos e organizados, mesmo que os preços sejam ligeiramente mais altos por causa do requinte.
O melhor desta rede é que geralmente há uma opção de bufê de pratos quentes por quilo, com alguns pratos saborosos (e outros nem tanto) e que nem sai tão caro.

Há uma dúzia de mercados desta rede por toda Manhattan, com alguns relativamente grandes como o da Union Square e o lindíssimo Food Emporium Bridge Market, embaixo da Queensboro Bridge, construído sob as arcadas da ponte, quase um ponto turístico.

Inclusive, se você estiver indo fazer o passeio com o bondinho de Roosevelt Island, é uma boa dar uma passada, mesmo que seja apenas por curiosidade, neste Bridge Market, principalmente porque há algumas opções boas de compras nesta região, como a Bed, Bath & Beyond um pouco mais para cima.
O Bridge Market fica na rua 59 com a Primeira Avenida, não tem erro.

http://thefoodemporium.com/

KMart


O KMart não é um mercado tradicional, como aqueles nos quais se compra frutas, carnes e congelados. Ele fica a meio termo entre uma loja de departamentos e um mercado, pois tem muitos produtos convencionais, como chocolates, refrigerantes, salgadinhos e estas besteiras, mas também vende roupas, sapatos, artigos para pesca ou esportes, bibicletas e alguns produtos eletrônicos.

É uma mixórdia que funciona, com duas filiais em Manhattan, uma na rua 34 com a Sétima Avenida, embaixo da Penn Station, e outra na Astor Place, no coração do East Village, desembarcando na estação Astor Place com a linha 6 (verde) do metrô.

www.kmart.com

Trader Joe's


Já falamos do Trader Joe's por aqui, que é um mercado alternativo, a alegria dos naturebas, com produtos orgânicos e de altíssima qualidade e, por incrível que pareça, não tão caro por isto.
E é óbvio que, com toda esta polêmica sobre sacolinhas pláticas no Brasil, na hora que o caixa lhe perguntar: "paper or plastic?", você dirá "paper" e sairá felizão com sua sacolinha de papel, protegendo o meio ambiente.

O Trader Joe's tem duas filiais em Manhattan, uma da Sexta Avenida com a rua 22, e outra no Upper West Side, na Broadway com a rua 72.

www.traderjoes.com

Jack's World


Antes de tudo, o Jack's World é uma loja de 99 centavos (e em diante), que é um dos maiores redutos de barbadas de toda Nova York. Além de todos os badulaques interessantes que você poderá encontrar lá, no andar térreo é também possível comprar alguns produtos de alimentação, alguns com prazos de vencimento para expirar e que, por isto, custam muito mais baratos do que em outros lugares.
No Jack's você poderá comprar pães, frios, doces e salgados, congelados a preços ridículos e, se você estiver realmente querendo (ou precisando) economizar, não há melhor alternativa.

Localizado na rua 32, entre a Sexta e Sétima Avenidas, pertinho do Madison Square Garden e da Macy's.

Outros mercados que podem lhe interessar

Target

Em Nova York, não há muito espaço disponível para grandes mercados como vemos no Brasil, assim, muitos deles são pequenininhos, nos subsolos ou com um layout totalmente estranho.
Se você quiser ir a um mercadão mesmo, daqueles para bater perna, então a única opção em Manhattan será o Target do East Harlem, o maior mercado da ilha.
Esta é uma região fora de mão e um tanto mal frequentada, por isto, caso você programe uma passada por lá, vá de dia ou pegue um táxi na porta de saída. O East Harlem está longe de ser uma região turística e mesmo que não seja perigosa nem violenta, não é bom dar muita bobeira por lá.

Fica na rua 117, quase chegando na FDR, perto do East River.

www.target.com

D'Agostino

Esta rede tem uma dezena de filiais por Manhattan, geralmente com mercados menores, mas com preços razoáveis.
Um dos nossos programas favoritos é, em dias bonitos, comprar um frango assado (com tempero Italian Blend) no D'Agostinos e levar para comer no Central Park. Estilo bem farofeiro!

www.dagnyc.com



Associated Market

Esta rede menos conhecida está presente mais em bairros periféricos, por isto os preços tendem a ser muito mais baixos do que nas redes mais requintadas. Uma vantagem é que acaba sendo voltada mais para o público latino, ou seja, você poderá encontrar facilmente alguns produtos mais populares entre mexicanos e brasileiros, como leite Ninho (Nido, nos EUA), Leite Moça (La Lechera) ou, às vezes, até pão de queijo!
Inclusive, em muitos destes mercados, os funcionários mal falam inglês, só espanhol.

http://associatedsupermarkets.com/

Gristedes

Apesar de ser uma das redes com o maior número de filiais pela cidade, este não é um mercado que se destaca muito, sem grandes atrativos, mas pode salvar você para algumas comprinhas ocasionais.

www.gristedes.com

Whole Foods Market

Os produtos do Whole Foods são de encher os olhos, mas os preços são de esvaziar os bolsos. Talvez seja um dos mercados mais careiros da cidade, mesmo que a qualidade seja extraordinária.
Vale para se dar um luxo de vez em quando.
Há uma filial grande na Union Square.

www.wholefoodsmarket.com

Eataly

O Eataly, um requintado mercado de produtos italianos perto do Madison Square Park, é o atual xodó do nova-iorquinos.
Os preços são altos, mas os produtos são bons e o mercado é uma atração à parte.
Localizado na Quinta Avenida com a rua 23.

http://eatalyny.com/

Fresh Direct

Agora, se você estiver com preguiça até de ir ao mercado, e quiser que os produtos sejam entregues em seu apartamento de temporada (ou até no hotel, vai saber?), o Fresh Direct salvará sua vida.

A compra é feita online e você pode escolher para entregar todos os produtos disponíveis, que são de ótima qualidade. Os preços são um pouco mais altos pela comodidade, mas também é uma fonte interessante para você ter uma noção de como são os preços dos produtos em Manhattan.

A entrega é feita geralmente no mesmo dia, ou na manhã seguinte.

www.freshdirect.com

Clique aqui para sugestões de hotéis em Nova York

Importante: favor ler as Perguntas Frequentes - FAQ.


18 comentários via BLOGGER
comente também
  1. Eu simplismente ameii todas as dicas do blog..vcs mandaram muitooo...mas tenho uma perguntinha básica...em outubro vou com meu marido e minha filha d um aninho pra a big apple, iremos ficar 5 dias ai, estamos juntando dinheiro até lá..entam gostaria de saber quanto em reais deveremos ter no minimo para esta não ser uma viagem estressante, valor por pessoa.. iremos principalmete para fazer muitass compras e ja estam anotados todos os lugares indicados por vcs, ahh também gostaria de saber sobre lojas infantis de brinquedos, não tem nada sobre isso no blog. Também não falamos muito inglês, só o basico, será que nos daremos mal? as lojas tem vendedores que falam nossa lingua? e para andar de metro pela big apple é facil?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. *estão*, *simplesmente*, etc, pelo amor de Deus.

      Excluir
  2. Fui a Nova York em 2010 sem falar quase nada além do "no english"; "I don't speak english"; "I'm sorry"; "same" (essa eu tinha que ser cara-de-pau: apontava para o prato dos outros e dizia "same" !!!) ... e essas coisas.

    O meu salva-vidas foi o "Mão-de-vaca" embaixo do braço !!! ... Depois descobri o tradutor on line do Google ...

    Pensem num cara que passou 15 dias pagando micos fenomenais ...

    Um exemplo: ... eu estava hospedado num hotel na 32 com a Broadway. Do quarto eu tinha a vista do Manhattan Mall e, também, da Jacks 99 Cent Store ...

    Todos os dias eu acordava e olhava pela janela para ver a cidade. Via logo a placa ao longe da "Jacks 99 Cent Store", todos os dias, várias vezes ...

    Pense numa janela que eu gostava: fazia quase tudo olhando pela janela (escovando os dentes, secando do banho, lanchando, vestindo roupas ...) ... Da janela eu sempre via novidade: uma Ferrari passando; uma loja que eu ainda não havia observado ... e, claro, sempre via a placa "Jacks 99 Cent Store".

    Eu tinha associado que "off" ou "free" nas lojas era algo barato, de graça ou sei lá o quê ...

    Bom, todos os dias, a noite, eu passada na Times Square. Nunca enjoava.

    Vi que, quando ia ficando mais tarde, o movimento diminuindo e essas coisas, uma ou outra pessoa passava por mim, continuava andando reto e dizia baixinho: "jack off?!".

    Eu pensava: ... será que aquela loja tá com um preço ainda mais barato?! Mas, se é por conta da loja, por quê o pessoal falava tão "discretamente"?! Será que é proibido fazer propaganda?! Noutro dia passou uma jovem bem "encorpada" que, claramente, via-se que não morava naquela região ... Aí ela olhou com cara tensa e de que estava "pecando". Aí ela perguntou: "... jack off?!", como se colocasse um diminutivo "offzinho" ...

    Sabia que algo estava errado e comecei a ficar com o pé atrás em entrar na "Jacks 99 Cent Store" ...

    Fui a Jacks no outro dia, entrei, olhei e não vi nada de anormal.

    Pensei em perguntar para alguém de lá quando teria o "Jacks Off", "Jacks Free" ou alguma coisa assim, mas meu inglês era tão ruim que não consegui perguntar isso ...

    No outro dia passo novamente por uma rua perto da Times Square e alguém, de forma muito estranha, falou algumas coisas que não entendi nada, mas no meio das frases tinha a tal "jack off".

    Olha, confesso que comecei a sentir medo.

    Gente, que porcaria era aquela?!

    Voltei para o hotel e fui procurar na internet alguma promoção da "Jacks 99 Cent Store" que fosse, sei lá, tipo uma liquidação na madrugada porque eu só ouvia aquilo tarde da noite.

    Quando descobri o que era o tal "jack off" quase tive acesso de raiva e deu vontade de voltar a Times Square pra começar a bancar o "serial killer" ... he he ... Putz, nem me fale !!!

    Bom, esse é um dos micos. Às vezes eu tinha uns 04 ou 05 num único dia.

    ROBSON MESQUITA
    Brasília/DF

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. morri com essa historia!! muito engraçado!!

      Excluir
    2. O QUE É JACK OFF? kkkkk

      Excluir
    3. Tbm rí muito mas o que é Jack Off,qdo fui a essa loja comprei muita make!

      Excluir
    4. adorei e estória e ri muitooooooooo. Mas vale a pena ??

      Excluir
    5. kkkkkkkkkkk ri muito com sua história! que povo doido falando isso na rua o_O

      Excluir
    6. Bom , ao pé da letra, Jerk off, quer dizer masturbar-se!!!Mas é amplamente usada para se referir a ...como posso dizer, sem ofender<(rsrs) Babaca, ou idiota, cretino!!!Muito boa sua estória!!

      Excluir
  3. Sou portuguesa e achei esta página por um acaso quando estava a pesquisar o que ver em NOva Iorque e posso agradecer aos autores do blog porque me fizeram economizar e muitooooooooooooooo :D Fui ao Kmart e tem muitas coisas bem baratinhas, e posso dizer que foi lá que fiz todas as comprinhas de chocolates e doçinhos :). Não acreditava naquele post sobre o Museu de História Natural em que falava que a entrada era sugestiva, mas é verdadeeeeeee. Paguei apenas $1!!!!! Que felicidadeee.

    Já agora gostava de deixar a minha contribuição, enquanto andava à procura de algum sitio para comer que não fosse hot dogs, encontrei este restaurante que tem muita variedade a bons preços. Pode-se escolher entre sandwiches, fatias de pizza (são muito boas!), saladas, sobremesas. Deixo o link aqui: http://www.paxfood.com/showFullMenu.action

    Um muito obrigado por este maravilhoso blog, porque além de mostrar um monte de coisas para ver em Nova Iorque ainda me fez economizar muito. Isso não tem preço <3

    Se precisarem de alguma informação sobre onde comer, ficar e o que ver em Portugal é só dizer! Irei contribuir com todo o gosto :)

    ResponderExcluir
  4. Henry, suas dicas de supermercados estão excelentes, mas gostaria de fazer um aparte.

    O Target realmente está entre os supermercados mais baratos. CONTUDO, esse Target do East Harlem é bem "ruinzinho" de acesso (ele fica a 6 quarteirões do metrô...seis LONGOS quarteirões, qdo vc carrega sacolas). Existe um outro "Target", que apesar de ficar fora de Manhattan é bem mais acessível (ele fica AO LADO da estação de metrô da Atlantic Avenue, em Downtown Brooklyn, a apenas UMA parada de Manhattan (e é atendido pelas linhas de metrô B,Q,2,3,4,5, D,N,R). E, melhor ainda: Ao lado dele tem um concorrente... um supermercado gigante (que achei até melhor que o Target), chamado "PATHMARK", Achei-o melhor, pois é mais voltado pra produtos de alimentação... Inclusive, ele bate ATÉ O WALMART em termos de produtos alimentícios (muita variedade). Bom, sendo esses dois hipermercados bem acessíveis por diversas linhas do metrô, vc consegue voltar com suas compras andando pouco, e fazendo um número MÍNIMO de conexões no metrô (o que é de grande valia, qdo vc carrega sacolas pesadas de supermercado). Enfim, fica a dica... Além de baratos, são fáceis de acessar...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. vou a NY pela segunda vez neste ano e garanto: nada como ir a Target do Brooklyn.....tranquila, bem frequentada, a região tb é otima!

      Excluir
  5. Uma dica pra economizar nos supermercados de NYC (e na Duane Reade).

    Faça o "cartão fidelidade" (gratuito) dos supermercados e lojas. A MAIORIA das promoções dos supermercados de NY (e são DESCONTOS BONS MESMO - as vezes de até 80% em determinadas mercadorias) são APENAS pra quem tem o tal cartão fidelidade da loja (geralmente tá escrito na prateleira alguma coisa do tipo: "Coca-cola $1,20. PROMOTION 2 for 1,70 WITH CARD"). Esse "card" é o cartão fidelidade da loja.

    O "cartão-fidelidade" é gratuito. São feitos NA HORA pelo próprio caixa da loja, e se aplicam inclusive à compra que vc vai fazer ali NA HORA que realizou o cadastro do cartão fidelidade (isso significa que, mesmo que voce NÃO pretenda comprar novamente ali, vc pode usar esse desconto para aquela sua única compra).
    Vc precisa apenas de um zipcode de NYC (use o do seu hotel), um numero de telefone em NYC (se vc não tiver, invente um numero qualquer no formato (917) 6XX-XXXX (lembrando que mtos celulares em NYC iniciam COM "6", com o codigo de area 212 ou 917, e os telefones nos EUA tem SETE dígitos). Eles também pedem seu email.

    Pronto! Logo após o cadastro, vc pode usufruir os descontos. Geralmente os caixas NÃO oferecem esse cartão da loja (às vezes eles perguntam apenas: "Do you have the store´s card?"). Se vc perceber que a loja/supermercado onde está comprando possui esses descontos pros clientes-fidelidade, faça suas compras normalmente, e qdo chegar ao caixa diga: "How do i apply for the store´s card?"). Pronto! ela vai pedir pra vc digitar seu telefone/email/zipcode na máquina (ou te dar um cadastro rápido pra vc preencher) e já te dá o cartão NA HORA, com o desconto já valendo pra aquela sua primeira compra (os dados não são verificados, apenas certifique-se de fornecê-los no formato adequado).

    Já fiz esse cartão fidelidade na Duane Reade, Target, PathMark, Century21 e na Sak´s 5th Ave.

    Descobri esse "macete" certa vez, qdo percebi que um descontão numa mercadoria na Duane Reade não tinha sido aplicado na minha conta. Perguntei à caixa, ela disse que eu poderia fazer o cartão já valendo pra aquela compra. Após o rápido cadastro, já saí com meu desconto...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amei essa dica e irei aplicar!!Afinal sou mão de vaca!!Grata!!

      Excluir
  6. Nós gostamos muito da Zabar's.

    ResponderExcluir
  7. Gente, cadê o Fair Away e o Fine Faire?!!!! tsc tsc tsc tsc....

    ResponderExcluir
  8. Ola! alguém pode me ajudar ?/
    estou na procura de uma loja ou mercado similar a Casas Pedro do rio de janeiro (produtos a granel = como Arroz, farinhas, grãos, lentilhas, feijão, açucares, etc).
    agradeço tudo tipo de info.

    Pablo Sersewitz

    ResponderExcluir



guias NY .PDF